segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Reforma salarial

Todas as profissões são importantes. Imagine se não houvesse mais garis, padeiros, professores, polícia, prefeitos, padres, etc. Quantas pessoas e serviços deixariam de ser atendidos? Mas, se todas as profissões são importantes, porque há tanta diferença salarial? A resposta é que há uma grande injustiça social no capitalismo e que todas as pessoas que trabalham deveriam receber um mesmo e justo salário. Uma profissão não é menos importante que a outra, logo um salário não deve ser menor que o outro; é injusto. Não só de reforma agrária necessita o Brasil, mas também de reforma urbana e social.

2 comentários:

camila disse...

Acretido que essa reforma salarial,tal sugerida no que li anteriormente nunca vai ser acontecida,mas o que vemos hoje no nosso pais é a desonestidade e preferência sccial.Concordo com tudo que lí.porém não sou eu que posso mudar essa desigualdade social,mas tentar lutar contra isso não é tão dificio.pois:"Quem tem boca vai a Roma"

camila disse...

Acretido que essa reforma salarial,tal sugerida no que li anteriormente nunca vai ser acontecida,mas o que vemos hoje no nosso pais é a desonestidade e preferência social.Concordo com tudo que lí.porém não sou eu que posso mudar essa desigualdade social,mas tentar lutar contra isso não é tão dificio.pois:"Quem tem boca vai a Roma"